Penne com queijo creme e salmão fumado

 
Efectivamente, há vida para além da massa de tum – mais que não seja porque o salmão fumado é também uma opção a ter em conta quando o tempo é mais curto.
 Um prato simples, com sabores marcados  e muito próprios da cozinha nórdica – tudo isto numa taça de massa

Há uns meses que deixem de consumir tanta massa. Era um vício absoluto, até porque foi das primeiras coisas que me aventurei a cozinhar. Tenho feito a minha vida sem as massas, substitui-as por couscous, bulgur, lentilha e muita courgette espirilizada.
Mas há dias em que a vontade de massa me ataca – simplesmente apetece-me cometer o pecado de me lambuzar com um prato cheio de hidratos de carbono. E disso não me envergonho – todos podemos e devemos pecar de vez em quando.
Mas agora consigo ver com clareza uma questão: demoro mais tempo a fazer um prato de massa do que um prato de legumes salteados – por isso me tira do sério que me digam que fazer um acompanhamento de legumes é muito demorado; mas depois se cozam panelas imensas de massa e tachadas de arroz. Não há mal nisso, apenas podem mudar a desculpa para não se consumirem vegetais.
Para os dias em que tenho mesmo pressa, faço um salteado gigante, variado e bem temperado de vegetais. Para os dias em que sou assolada por uma vontade inexplicável de massa, faço um prato como este.
Uma massa simples, com a acidez do creme queijo e das ervas, rematada por um delicioso salmão fumado. Assim se matam os desejos.

Penne com queijo creme e salmão fumado

Penne cozido
1 talo de aipo
1 pedaço de alho francês (cerca de 4 dedos)
3 colheres de sopa de queijo creme, tipo Philadelphia
4 colheres de sopa de água
1 fatia de salmão fumado
Cebolinho picado

Coze-se a massa e reserva-se.
Pica-se o alho francês e o aipo, e salteia-se num pouco de gordura. Junta-se o queijo creme e a água, e mistura-se bem. Junta-se a massa, envolve-se o preparado e desliga-se.
Desfia-se o salmão, pica-se o cebolinho e junta-se à massa. Servir de imediato

 

9 thoughts on “Penne com queijo creme e salmão fumado

  1. Também sou viciada em massa, e tenho introduzido bulgur (que ganha em rapidez a tudo), arroz integral, and the like… Mas na massa também há cada vez mais opções, agora a linha Natura da Milaneza tem massa integral a preços muito razoáveis e até é mais rápida.
    Ah e experimenta endro/aneto no salmão, não vais querer outra coisa. Por mim era isso todos os dias.

  2. Esta é daquelas refeições que se podiam chamar "a refeição da Vânia" 😛 hehe Eu, que gosto de ter sempre um salmãozinho fumad por casa e o queijo-creme também é coisa que raramente falta no meu frigorífico, faço pratinhos destes tantaaasss vezes, especialmente quando tenho de comer sozinha 🙂 Uma verdadeira maravilha 😀

  3. Whaaaaat?! Então as fotos por partes?! Não há aí salmão formado a ser cortado ou aipo a ser salteado bem fotogénicos? haha
    Essa combinação do alho e ervas faz-me lembrar um queijo tipo philadelphia com ervas que eu comi há imeeenso tempo. Como adorei o sabor, estava sempre a pô-lo em tudo, e então comprava vários pacotes por semana. Depois a meio de uma semana enjoei, mas enjoei tanto que nem podia cheirar, e fiquei com três pacotes fechados no frigorífico que depois dei a alguém. Infelizmente, voltei a comprar há algum tempo ( "Ei! Eu gostava imenso daquilo! Depois enjoei, mas foi de usar muito! Vou levar" -> erro.). Digamos que mal o cheirei novamente voltou para o frigorífico. Agora imagina só se fosse de salmão ou milka, como há por aí 😛 Principalmente de salmão, parece mesmo estranho, e tu acabaste de juntar queijo, ervas E salmão! Grande feito 😛
    As pessoas adoooram desculpas 😉 Ninguém diz "como massa porque me sabe bem", não, isso seria demasiado. Até chega a "os hidratos de carbono são precisos" e tudo 🙂 Diz que dão energia 😉 Mas a proteína e vegetais são mito! Impressionante a quantidade de HC que as pessoas comem às refeições e mesmo aos lanches…

Responder a Avelã Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *